Segurança para todos

Multas de trânsito



Testemunhas passam a poder ser ouvidas por videoconferência

As testemunhas dos processos de contraordenações rodoviárias vão passar a ser ouvidas por videoconferência.

Com a criação da ANSR em 2007, o processo das multas de trânsito passou a estar centralizado em Lisboa, tornando mais complicado ouvir as testemunhas.

Atualmente, era a GNR que ouvia as testemunhas sempre que a ANSR assim o solicitava, mas com indicação do que queria que fosse questionado.

Com o novo sistema, que já está a funcionar em Bragança e que deverá estar em funcionamento em todo o país dentro de dois meses, os próprios juristas vão passar a pode ouvir as testemunhas, ficando a entrevista registada logo em formato digital.

Deste modo, a ANSR prevê agilizar o processo, reduzindo os tempos de decisão das multas de trânsito.



«« voltar


BTW
seara.com