Segurança para todos

47% dos portugueses usa telemóvel ao volante



Conclusão é de um estudo do ACP sobre o perfil do condutor português

Apontado como um dos principais fatores de risco, a par com o álcool e o excesso de velocidade, falar e conduzir é uma prática comum para metade dos portugueses.

Esta é uma das conclusões de um estudo realizado pelo Automóvel Club de Portugal (ACP), que envolveu 6560 condutores, com mais de 18 anos.

47% dos entrevistados afirma conduzir e falar ao telemóvel, dos quais 8% confessa que fala com o aparelho na mão. Quando questionados sobre se deveria ser proibido totalmente o seu uso, apenas 61% se mostrou a favor.

Quase 80% dos inquiridos elege o carro como meio de transporte para o trabalho e 68% considera que a condução dos portugueses está pior ou igual do que há dois anos. 20% reconheceu ainda já ter adormecido ao volante, mas sem qualquer consequência.



«« voltar


BTW
seara.com